Rua do Instituto Industrial 16, 1200-225 Lisboa - Portugal

3 Razões para Investir em Employee Engagement

Aumente os níveis de engagement dos seus colaboradores!

O engagement dos colaboradores é definido como o seu nível de ligação emocional e psicológica com a empresa. Esta ligação tem impacto na sua relação com as suas funções, com os seus colegas, e com a organização de uma forma geral.

O conceito de Employee Engagement tem sido um tópico bastante debatido entre os profissionais de Recursos Humanos, e é motivo de estudos em várias vertentes, uma vez que está diretamente relacionado com o bem-estar e satisfação dos funcionários de uma empresa, cruciais para o seu melhor desempenho.

Existem diversas razões pelas quais se deve investir em Employee Engagement. Reconhecendo o seu devido valor e a sua importância, a GFoundry reuniu 3 das razões mais relevantes:

1. É um investimento na Produtividade

Um estudo da Gallup demonstrou que o engagement é um fator extremamente importante para a produtividade de um colaborador, e até das próprias equipas. Este estudo demonstrou uma produtividade superior em cerca de 17% nas equipas mais alinhadas e motivadas na organização.

Além disso, outros fatores foram observados em equipas mais alinhadas e motivadas, como maior rentabilidade e satisfação de clientes, e também menor turnover e absentismo. Ao investir em engagement, irá estar a impactar todo o negócio, e a motivação de todos os seus colaboradores.

A produtividade pode (e deve) ser medida através da definição (e controlo) de objetivos. Este processo tem uma importância crucial para a gestão do talento numa organização, estando diretamente relacionado com a Avaliação de Desempenho das equipas e dos seus integrantes. Com a GFoundry, é possível tornar este processo mais interativo, dando a possibilidade aos colaboradores de poderem ter acesso, em tempo real, ao estado de conclusão dos objetivos e, posteriormente, aos resultados da sua Avaliação de Desempenho. Saiba mais sobre como gerir um processo de Avaliação de Desempenho com GFoundry.

2. É um investimento na diminuição do Turnover

O turnover de colaboradores é um fenómeno comum nas empresas, isto porque as pessoas mudam as suas motivações, objetivos e até ambições pessoais. No entanto, um menor engagement para com a organização está diretamente relacionado com um aumento no turnover de colaboradores, causados pela falta de alinhamento com a organização e uma menor motivação.

No processo de saída de um colaborador, a sua vaga terá de ser preenchida. Além dos recursos necessários para o recrutamento de uma nova pessoa, terão de ser alocados recursos para a sua formação, de forma a poder exercer as suas funções.

Com a GFoundry, através dos resultados obtidos com o módulo Termómetro do Engagement, é possível avaliar 9 métricas essenciais para medir a motivação e alinhamento das equipas. Por exemplo, se uma determinada equipa na sua organização apresentar uma pontuação reduzida na métrica de Feedback, poderá ser necessária uma ação para corrigir algum problema existente, e assim impactar positivamente a motivação dos colaboradores, consequentemente diminuindo o turnover.

3. É um investimento no Recrutamento

O Passa-palavra é muito poderoso, especialmente no que diz respeito a empresas que apostam no bem-estar das suas equipas. Por isso, o employee Net Promoter Score* tem vindo a ganhar relevância na gestão do talento nas organizações, havendo esforços para tentar maximizar o número de Promotores na empresa, tendo um papel determinante na atração de talento.

Além disso, os colaboradores que estão alinhados tendem a participar mais ativamente nos processos de recrutamento da organização, recomendando perfis que ache adequados tanto para as funções desejadas como para a empresa como um todo.

Por fim, a experiência de recrutamento também pode ser impactante e gamificada, tendo um impacto positivo direto na imagem da sua organização. Através das Missões, na GFoundry, é possível criar caminhos que os candidatos poderão percorrer, desde conhecer a organização, passando por quizzes para testar os seus conhecimentos, ou mesmo pela submissão de formulários. Com isto, é possível criar Jornadas de Recrutamento que irão diferenciar a sua organização enquanto recrutadora de talento, proporcionando uma experiência inovadora aos seus candidatos.

A GFoundry consegue ajudar-me com o Engagement dos meus colaboradores?

Claro que sim! A GFoundry, enquanto solução para o Employee Engagement, é a ferramenta ideal para trabalhar o engagement dos seus colaboradores. Transformamos todo o ciclo de gestão de talento dos seus colaboradores numa experiência impactante, através do nosso motor de gamificação, melhorando a sua motivação e ligação com a organização.

Desde a atração de novos talentos, passando por processos de Onboarding ricos em conteúdo e experiências, promovendo o reconhecimento e feedback durante todo o seu percurso, a GFoundry cobre todas as fases cruciais na gestão do talento dentro da sua organização. Através dos módulos presentes na plataforma, é possível enriquecer a experiência dos seus colaboradores, tornando-a mais inspiradora, impactante e gamificada!

Por outro lado, através do nosso Termómetro do Engagement, poderá não só obter uma fotografia da atualidade no que diz respeito ao engagement dos seus colaboradores, como também pode analisar a evolução ao longo do tempo! Esta possibilidade representa uma ferramenta de tomada de decisão essencial, conseguindo perceber o impacto (em tempo real) de todas as ações implementadas.

O que é o eNPS?

O Employee Net Promoter Score (derivado do Net Promoter Score para medir a ligação com clientes) serve para medir o grau de alinhamento e de ligação dos colaboradores com a organização. A ideologia que serve como base é simples: se gosta de trabalhar na empresa, então irá partilhar essa experiência com outras pessoas.

A avaliação é feita através de uma escala de 0 a 10, em que é perguntado ao colaborador se recomendaria a empresa como um bom sítio para trabalhar. Mediante a resposta, os colaboradores são classificados em 3 personas:

  • Detratores (avaliação entre 0 e 6): Colaboradores que poderão influenciar, de forma negativa, a imagem da organização enquanto potencial empregadora;
  • Neutros (avaliação entre 7 e 8): Colaboradores que não influenciam a imagem da organização, não tendo uma ligação relevante com a mesma;
  • Promotores (avaliação entre 9 e 10): Colaboradores que poderão influenciar, de forma positiva, a imagem da organização enquanto potencial empregadora.

O eNPS é então obtido através da diferença entre a percentagem de Promotores e a percentagem de Detratores, podendo variar entre – 100 e + 100.

Related Posts